"". Life of Cherry: As 18 músicas que mais ouvi em 2018 !-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

29.12.18

As 18 músicas que mais ouvi em 2018

As 18 músicas que mais ouvi em 2018

Outra novidade dos Favoritos de 2018: temos um Top de músicas! Nunca tinha feito um porque, honestamente, o meu gosto musical é um bocado estranho. Eu oiço mesmo de tudo. Num minuto posso estar a vibrar com o hit do momento como, logo a seguir, estou a ouvir ópera. Depende muito do meu estado de espírito. Outra coisa que também precisam de saber acerca do meu gosto musical: eu oiço muitos soundtracks de filmes e séries. Já descobri muitos artistas bons graças a melodias que aparecem em determinada cena de um filme ou num episódio de uma série.

Se no Top dos Filmes eu já tenho por hábito incluir filmes que não foram lançados no presente ano, também não faria sentido para mim incluir neste Top apenas as músicas de 2018 (basicamente eu só tenho coisas do próprio ano no Top de melhores posts e dos meus melhores momentos). Há muitas músicas que marcaram o meu ano, apesar de já terem sido lançadas nos anos anteriores, e esta lista não seria verdadeiramente representativa se eu as excluísse. A ordem das músicas é completamente aleatória, porque não me lembro em que altura descobri cada uma. Bem, esta lista é mesmo representativa das minhas playlists, completamente random.

Estas foram as 18 músicas que mais me inspiraram em 2018.


1. This is Me: Ufa, foi difícil escolher uma canção do filme "The Greatest Showman" para meter aqui. Eu, por mim, metia o soundtrack no todo no Top. Mas também temos que dar lugar a outras descobertas musicais, não é verdade? Escolhi "This is Me" por ser tão motivacional e com uma letra tão inspiradora.


2. Mystery of Love: A história mais bonita que vi nos últimos anos ("Call Me By Your Name") também tem a melodia mais bonita que ouvi nos últimos anos. Acho que esta música representa na perfeição o amor entre Elio e Oliver. Inocente, poderoso e heartbreaking. Escolhi colocar este vídeo aqui porque adoro a forma como sincronizaram as cenas do filme com a melodia.


3. Technicolour Beat: Todos nós temos uma música que nos representa completamente. A música da nossa vida. Até agora, eu nunca tinha encontrado essa música. 2018 foi o ano em que finalmente encontrei  aque mais me caracteriza. Não sei explicar porquê, é aquilo que eu sinto. Ouvi-la dá-me sempre uma paz de espírito inexplicável. Esta é a música mais Cherry de sempre.



4. All We Do: "All We Do" é a canção que mais me consolou em 2018. Que me transmitia que, mesmo que me sentisse um fracasso, se fosse andando devagarinho, um dia de cada vez, tudo iria acabar por ficar bem.  E tudo acabou por ficar sempre bem. 


5. Nada Mais: Eu já conhecia o Fernando Daniel do "The Voice", mas só foi mesmo no Enterro da Gata que eu passei a adorar  as  músicas dele. Talvez seja porque aquilo que ouvimos nas festas académicas marca-nos sempre. De cada vez que oiço "Nada Mais" sou transportada para uma das semanas académicas da minha vida universitária que mais gostei.



6. Mágoa: Same here. Muitos feelings do Enterro da Gata de 2018, a cantar isto de olhos fechados.


7. Avião de Papel: Uma música da Carolina Deslandes e do Rui Veloso, que é alegre e que facilmente fica no ouvido. Andei a cantarolá-la muitas vezes em viagens de carro.


8. God is a Woman: Fiquei rendida à Ariana Grande desde que ouvi o seu grande hit "Dangerous Woman", pela sua irreverência, por causar polémica mas sempre pertinente de alguma forma e, claro, pelo seu inegável talento. "God is a Woman" foi o seu grande êxito deste ano e que causa grande controvérsia. A Ariana deixa sempre os seus fãs a tentar adivinhar o significado por detrás de tudo aquilo que produz, portanto apenas partilho aquilo que eu achei. Eu interpretei esta música como uma forma de empoderamento feminino, e não como um insulto à Igreja Católica como muitos referem. Todo o contexto religioso era apenas uma metáfora.


9. Guys My Age: Awww, the aesthetics!. Acho que dei cabo do botão replay com este videoclip. Fiquei apaixonada pela banda "Hey Violet", pelo seu estilo de música adolescente à inícios de anos 2000 e pelos vídeos sempre tão deslumbrantes. 


10. Side Effects: Cliquei no videoclip por causa da Camilla da série "Riverdale" e fiquei por causa das boas energias. Foi a banda sonora dos meus duches e pré-saídas à noite.


11. O Sol: Esta foi a canção do meu verão. Quando a oiço, sou transportada imediatamente para os dias descontraídos na praia, os banhos no mar, as viagens de carro,.... Tem mesmo sabor a verão!


12. Statues: Descobri o cantor Eden através das recomendações do Youtube e fiquei apaixonada pela voz dele. Ele era integrante da banda "The Eden Project" que penso que já não está junta desde 2015. De qualquer das formas, vale a pena dar uma olhadela ao canal deles, principalmente para ouvir "Statues" que é, na minha opinião, a melhor música deles. Cheia de emoção! Pergunto-me porque é que bandas como estas não são mais reconhecidas, é mesmo triste. 


13. Shatter Me: Outra artista que descobri graças às recomendações do Youtube (afinal sempre servem para mais alguma coisa além de sugerir as cenas mais aleatórias). Ao ouvir e ver este videoclip senti-me num conto de fadas. A combinação da voz dela com o violino é espetacular. Outra coisa espetacular nela: também faz covers de hits, adaptando-os com instrumentais com violino,  espreitem!


14. The End of Love: Se eu falasse frequentemente de música no blog, podem ter a certeza que teríamos muitas publicações sobre Florence+ The Machine. Adoro a voz da Florence, dá sempre um ar melancólico e encantador às suas canções. É mesmo engraçado como cada pessoa sente as músicas de forma diferente. A Inês escreveu no seu Top de Músicas que esta canção tinha uma essência outonal, mas a mim soa-me mais a final de verão. 



15. Twisted Games:  Além de andar sempre à procura da banda sonora de filmes e séries, também tenho por hábito procurar as músicas que usam nos trailers. "Twisted Games" é a música do trailer de "Elite" (uma série espanhola viciante, falei dela aqui!) e que se adequa na perfeição a este thriller adolescente.


16. Shallow: Não achei o filme "A Star is Born" tão arrebatador como a maior parte das críticas afirmam. O único momento em que me senti realmente emocionada com o filme foi quando esta música começou a tocar, principalmente na parte em que a Lady Gaga começa a cantar. Tornou aquela cena poderosa! Já não chorava assim numa sala de cinema há muito tempo!



17. Without Me: Descobri "Without Me" num dos meus segmentos favoritos do desfile da Victoria Secret deste ano (o meu outro segmento favorito foi o da música "Body Talks).


18. O Tempo é Agora: Comecei a ouvir Anavitória o ano passado graças às sugestões da Inês, e desde aí que as oiço muitas vezes. Adoro as suas vozes tão melódicas e tão doces. Esta foi a minha preferida de 2018, faz-me sentir sempre tão leve e, nossa, que instrumental!


Quais foram as vossas músicas preferidas de 2018?

17 comentários:

  1. Sou como tu, também ouço um pouco de tudo :)
    Dou prioridade à música portuguesa e ouço imensos artistas, mas foi este ano que conheci ANAVITÓRIA e me deixei conquistar pela Carolina Deslandes.
    Confesso que da tua lista, a nível de artistas, só não ouço Fernando Daniel, não me enche mesmo as medidas ahah, mas acho que canta muito bem e tem algumas letras bonitas :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Que excelente lista de músicas! Beijinhos*

    ResponderEliminar
  3. Adoro as músicas do Fernando Daniel, da Carolina Deslandes, das Anavitória, dos The Chainsmokers e da Without Me *-*

    ResponderEliminar
  4. Apenas conheço 3: as do Fernando Daniel e a do "The greatest showman". São as minhas preferidas e, embora as primeiras não me façam lembrar a Universidade (porque so entrei este ano), fazem-me lembrar o verão inteiro de 2018! Ahah
    As restantes musicas, embora nao tivesse conhecimento das mesmas, admito que são super bonitas! :D

    Beijinhos,
    Ella Morgan
    moonlightfelicitydestin.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cada um de nós associa uma memória diferente às músicas e é mesmo engraçado ver como uma mesma música pode gerar sentimentos muito diferentes em cada pessoa :).
      Beijinhos

      Eliminar
  5. Shallow foi a música que mais ouvi este ano! :)
    beijinhos

    www.amarcadamarta.pt

    ResponderEliminar
  6. Só conheço a Aviões de Papel e a Nada Mais. Ah e a do Call me by your name ouvi no filme. Uma história bonita mas um filme muito parado, apanhei uma seca tremenda. Para dizer a verdade, não acho que possa eleger músicas que me tenham marcado :o acho que uma que ouvi muito foi Pelados em Santos, de Mamonas Assassinas, por ser uma das preferidas do tio que perdi este ano.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, era um pouco parado,mas não eu não apanhei uma seca,houve tantos elementos do filme que me cativaram e que me permitiram ficar "presa" àquela história.

      Eliminar
  7. Para mim, a música do ano foi Shsllow, de Lady Gaga e Bradley Cooper :D

    ResponderEliminar
  8. Adoro as músicas! xx

    www.flu-ffy.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  9. Boas escolhas :) Adorei o filme The Greatest Showman e gosot muito de Florence and Machine :)

    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  10. Fez uma excelente lista de musicas, conhecia apenas uma "O sol".
    https://blogdajenny2014.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  11. Vejo ai muitas que por acaso gosto bastante ou oiço muito como a dos hey violet ( e as coisas deles no geral, especialmente a o.d.d) e a shatter me, ouvi tanto a ultima em 2015 lol e ainda continuo o que tem graça xD .também adoro a technicolor beat, de vez em quando tem uma altura em que fico viciada nessa canção outra vez, é tão bom <3 Não pensei que fosse reconhecer tantas nesta lista :D.

    themerrymarie.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Achava que era a única que conhecia alguns destes artistas :).
      Beijinhos

      Eliminar