"". Life of Cherry: O que eu aprendi quando parei de publicar no blog todos os dias !-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

15.3.18

O que eu aprendi quando parei de publicar no blog todos os dias

 O que eu aprendi quando parei de publicar no blog todos os dias

Desde que comecei o " Life of Cherry" que publico (quase) sempre todos os dias. Para mim, escrever  é terapêutico, por isso publicar todos os dias era uma forma de relaxar após um longo dia e entreter-me. Claro que dividia pelos dias os vários textos que escrevia. Às vezes, o entusiasmo era tanto que eu até queria publicar 5 num dia, mas isso seria demasiado. Muitos perguntavam-me como é que eu conseguia ter criatividade para publicar todos os dias, mas a verdade é que, quanto mais escrevemos, mais ideias temos

Porém, no mês passado, começou a acontecer muita coisa na minha vida, e senti necessidade de abrandar um pouco para me poder dedicar mais a outros aspetos da minha vida. E até agora tem resultado muito bem. As minhas visualizações não diminuíram, e estou a ter mais flexibilidade para conciliar os outros aspetos da minha vida.

Contudo, este não vai ser um post em que eu vou dizer " tive uma epifania e, afinal, publicar menos é a fórmula de sucesso para os blogs". Acho que alguns de vocês, quando leram o título desta publicação, pensaram logo que eu ia contradizer esta. Mas isso não vai acontecer. Na verdade, até sinto saudades do entusiasmo que me dava ver algo novo no " Life of Cherry" todos os dias. Aqui lição que eu posso tirar daqui é que existem ritmos de publicações diferentes para cada blogger e para cada altura das suas vidas. E conheci o outro lado da moeda.


1. Sinto-me mais pressionada a publicar bom conteúdo: Como a minha frequência de publicações diminuiu, a pressão para escrever algo bom, que valha a pena ler, aumentou. Se determinado post vai representar o meu blog nos próximos 2/3 dias, eu quero ter a certeza que vai causar uma boa impressão. Para leitores novos, até pode ser a primeira impressão. Por um lado, esta pressão causa-me alguma ansiedade. Mas, por outro lado, incentiva-me a ser melhor e a publicar conteúdo bom.

2. Escrever consegue ser mentalmente esgotante: Não me interpretem mal, eu adoro escrever. E passei a adorar ainda mais desde que tenho um blog. Porém, consegue ser mentalmente e emocionalmente esgotante. Escrever bem implica colocar a nossa alma, pensamento e coração em cada palavra. Esta fadiga consegue ser tão real como a fadiga física. Talvez tenha sido uma das razões pelas quais eu decidi abrandar, numa altura em que os estágios já me cansam o suficiente.

3. Os teus leitores não querem saber o quão frequentemente publicas, desde que sejas mais ou menos consistente: A maior parte das pessoas não lê blogs todos os dias. E, mesmo que o façam, seguem um monte deles. Eu incluída, e não consigo dizer com que frequência os meus blogs favoritos publicam. Por isso, não importa que não publiques todos os dias, desde que sejas mais ou menos consistente, para também não deixares o blog às moscas. Publicar todos os dias aumenta imenso as visualizações, é certo, mas publicar com menos frequência não implica aquela descida abrupta de visualizações que eu imaginava.

4. Ajuda-me a apreciar dias mais parados do blog: Quando se tem um blog, existe muita tentação para estar constantemente a ver as estatísticas, especialmente quando publicamos novos posts. " O meu post está a ter muitas visualizações?". " Estou a receber comentários positivos ou negativos?". Ao longo do tempo, tenho aprendido a apreciar os dias mais parados do blog, em que não sinto a necessidade de estar sempre a ver as estatísticas. Antes já contrariava essa necessidade, mas agora é muito mais fácil dado que não existem posts novos todos os dias.

5. Tenho mais tempo para trabalhar nos posts: Sou da opinião  que é possível ter bom conteúdo ao mesmo tempo que se publica diariamente, desde que sejamos organizados e saibamos gerir bem o nosso tempo. Mas am alturas em que andamos mais ocupados, publicar diariamente não nos permite desenvolver bem as nossas ideias nem refletir de forma crítica sobre aquilo que escrevemos, pelo que a melhor opção é escrever menos para nos podermos dedicar mais a cada publicação.

6. Permite que a vida se meta pelo meio: Esta foi a principal razão pela qual eu decidi abrandar o ritmo de publicações no blog. De momento, com tanta coisa a acontecer na minha vida, sinto que preciso de dar mais energia ao mundo offline. Não quer dizer que não consigamos publicar todos os dias ( eu faço questão de o voltar a fazer), mas em fases mais agitadas da nossa vida é preferível abrir mão da regularidade para não comprometer a qualidade do blog e, sobretudo, para ter mais flexibilidade e permitir que a vida aconteça.


Com que frequência publicam no vosso blog? Acham que publicar menos seria melhor para vocês?

48 comentários:

  1. Neste momento publico diariamente, mas o conteúdo do meu blog também é diferente, posts curtos, é mais fácil lol! Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. "Sou da opinião que é possível ter bom conteúdo ao mesmo tempo que se publica diariamente, desde que sejamos organizados e saibamos gerir bem o nosso tempo." - concordo plenamente! Obviamente prefiro que haja publicações diárias - e tento publicar dessa forma no meu blogue - mas compreendo também que não exista essa disponibilidade (ou até vontade!) muitas vezes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também prefiro, e por um lado está a custar-me não o fazer no meu próprio blog, mas nesta fase da minha vida, sinto que é o melhor para mim e também para o blog, para não comprometer a qualidade.

      Eliminar
  3. Na verdade não é fácil publicar todos os dias. Principalmente manter a linha habitual de publicação. Por vezes faz bem parar um pouco a fim de se arranjarem novas forças e novas inspirações
    .
    * Se te amar for pecado ... Então sou um Pecador *
    .
    Cumprimentos poéticos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi por isso que eu decidi abrandar um pouco :).

      Eliminar
  4. Nós tentamos publicar todos os dias úteis da semana, mas nem sempre o conseguimos. A cima de tudo achamos importante dar-nos a 100% senão nem valerá a pena...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E penso que estão a consegui-lo, nota-se mesmo nuito a dedicação que colocam em todos os posts.

      Eliminar
  5. Quando comecei o meu blog publicava 3 vezes por semanas, outras mais. Já tive alturas de publicar todos os dias, mas depois comecei o mestrado e tive de abrandar e como as visualizações foram abrandando, eu também fui deixando para trás. Agora tenho todo o tempo livre, infelizmente, e embora ideias não me faltem não publico tanto quanto gostaria, porque acho sempre que ninguém vai querer saber. Estou a tentar ganhar uma rotina aos poucos. (:

    Lena's Petals xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muitas vezes, temos a sensação que estamos a falar para o boneco. Acontece que nem sempre as visualizações correspondem às nossas expetativas, principalmente quando ainda somos novos na blogo. Mas o mais importante, por muito cliche que possa parecer é continuar a escrever, continuar fiel a nós mesmos e, aos poucos, as visualizações viram :).

      Eliminar
  6. Eu fico mesmo muito impresionada com quem comsegue publicar conteúdos muito interssantes todos os dias. A mim é me quase impossível e, neste momento, estou a tentar publicar pelo menos 2 posts semanais, apesar de nao me faltarem ideias (falta-me tempo para executá-las)
    Por onde anda a Sofia?-Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece que nunca há tempo suficiente para executar todas as nossas ideias :(.

      Eliminar
  7. Olá olá!
    Eu compreendo perfeitamente a tua situação!
    Também aconteceu o mesmo comigo, antes publicava diariamente e agora público á quarta feira e ao domingo!
    As minhas visualizações continuam na mesma! Acho que vale mais publicar duas ou três vezes por semana e ter um bom conteúdo do que publicar diariamente e não escrever nada de interessante (obviamente que não são todos os casos) mas é um exemplo.
    Gostei muito do post!
    Beijinhos <3

    pimentamaisdoce.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi mesmo isso que pensei. Sempre consegui escrever, na minha opinião, bom conteúdo todos os dias, mas nesta fase tal seria praticamente impossível.
      Obrigada :).
      Beijiinhos

      Eliminar
  8. Eu sempre te admirei imenso pelo facto de seres capaz de escrever conteúdo interessante para publicares todos os dias, porque eu não consigo, de todo. Às vezes até é dificil para mim arranjar bom conteúdo e publico apenas duas vezes por semana, por isso, como alguém que não publica diariamente, percebo o que dizes.

    Beijinhos grandes e continua com o teu bom trabalho!
    inesmartinsxx.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O importante é que publiques conteúdo com qualidade, coisa que parece que já fazes :).
      Obrigada <3.
      Beijinhos

      Eliminar
  9. Costumo publicar de segunda a sexta. Só não publico mesmo aos fins de semana pois tiro um tempinho para mim (e para agendar uns tantos posts também ahahah). Mas começo a verificar que é bom publicar dia sim dia não. Há tempo para as pessoas verem e comentarem. É algo que ando a pensar seriamente. Beijinhos <3

    www.carolinafranco.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazes tu muito bem aproveitar o fim de semana :). Eu também tenho constatado isso. Alguns posts meus têm sido mais comentados, e acho que é por essa razão.
      Beijinhos

      Eliminar
  10. No meu blog anterior tentava publicar diariamente, ou dia sim dia não, mas ficava sempre com um sentimento que não era bem aquilo que queria fazer e, como tinha de publicar o post logo, não podia melhorá-lo. Isto até me dar conta de que, se não é a maneira mais confortável para mim, eu não devia estar a utilizar esse método. Sinto-me muito melhor não publicando tanto, mas ter o meu tempo e ritmo para aperfeiçoar tudo à minha maneira!
    https://sunflowers-in-the-wind.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O blog deve acompanhar o nosso ritmo de vida e não impô-lo. Precisamos de estar atentos a esses pequenos sinais, que nos revelam o ritmo a que devemos publicar.

      Eliminar
  11. Nunca tive regularidade nas publicações, nem qualquer orientação nas datas. Publico quando tenho vontade de escrever ou partilhar qualquer coisa e, por vezes, passam-se dias e dias sem publicar. Seja por falta de inspiração ou de tempo, sempre prometi a mim mesma que um blog é uma coisa pouco importante quando comparada com toda a vida a acontecer offline e que seria sempre assim :) Não é uma obrigação, é uma coisa na internet que deus me livre de alguma vez colocar em primeiro lugar, de maneira que nunca me sinto pressionada, não vejo estatísticas, nem penso nisso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, e isso é algo que nunca devemos questionar. Por mais importante que seja o nosso blog, a nossa vida offline é muito mais.
      Para mim também não é uma obrigação, mas também gosto de manter alguma regularidade neste cantinho.

      Eliminar
  12. Tudo tem as suas vantagens e desvantagens, e claro que nem sempre temos tempo ou disponibilidade para andar nisto todos os dias, faz parte.

    ResponderEliminar
  13. Escrever é mesmo terapêutico, mas fazê-lo diariamente pode ser um desafio, sobretudo quando o objetivo é tornar o conteúdo público, pois aí, inevitavelmente, a pressão é maior.
    Digo, muitas vezes, que sou egoísta a escrever, porque não o faço a pensar no que as pessoas vão achar. No entanto, é fundamental darmos o nosso melhor, entregarmo-nos de corpo e alma e partilhar algo que foi escrito com toda a consciência. No fundo, passa por evitar publicar apenas porque sim. As gavetas já passaram pela fase de ter publicações não regulares, até que cheguei à fase em que me fez todo o sentido torná-las diárias, mas se tiver que voltar a abrandar o ritmo não me faz confusão, porque o meu compromisso continua a ser o mesmo. Por isso concordo totalmente com os pontos que enumeraste!

    r: Sim, passa muito por aí. O blogue começa a crescer e no caminho que traças há coisas que deixam de fazer algum sentido. O que não quer dizer que, mais tarde, não se recuperem algumas delas :)

    Por acaso, não tenho essa ideia em relação a ela. Mas respeito totalmente o teu ponto de vista

    Ando a desenvolver essa capacidade, acho que resultou :p ahahah é terrível, porque uma pessoa envolve-se de tal maneira que quer logo saber o que aconteceu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo, sobretudo quando não somos anónimos na blogosfera.
      Tenho adorado a acompanhar a evolução do teu blog, sinto que ainda irás ter muito sucesso por estes lados :).

      Eliminar
  14. Neste momento estou a publicar uma vez por semana, gostaria de publicar duas vezes (que para mim é o ideal) contudo ando sem ideias e sem tempo para poder pensar seriamente em novos posts, o que me deixa triste mas desde que o post semanal não acabe, para mim, já é fantástico!

    Beijinhos!!
    BLACK RAINBOW

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se andas sem ideias, o melhor é manteres mesmo esse ritmo, quanto mais pressão pomos à nossa escrita pior é, por isso acho que fazes bem :).

      Eliminar
  15. Por aqui tento publicar, pelo menos, três posts por semana. Numa fase em que estou a terminar o doutoramento, torna-se complicado publicar muito mais. O chip mental está num outro modo que não tanto o blog mas, ao mesmo tempo, noto que escrever no blog acaba por me ajudar a desanuviar e conseguir escrever nos assuntos do doutoramento de uma outra forma. Parece uma contradição mas escrever no blog tem, como dizes, a capacidade de nos ajudar a aliviar da pressão toda de um dia longo de trabalho. Gostei bastante do post (tal como de muitos outros!) :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com o doutoramento deve ser mesmo complicado, um doutoramento é extremamente exigente, por isso compreendo. O meu chip mental anda em modo estágio xD.
      Obrigada :).

      Eliminar
  16. Eu não consigo publicar todos os dias. Apesar de haver semanas em que me apetece publicar todos os dias, tenho outras em que não tenho vontade ou criatividade para tal. Então acho que o melhor é sempre publicar quando sinto vontade. Seja todas as semanas, todos os dias, ou de mês a mês :)

    ResponderEliminar
  17. Eu publico dia sim, dia não mas, já fiz o BEDA e achei muito complicado! É preciso imaginação e tempo,o que nem sempre é fácil! :P

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É desafiante, mas acredita que se consegue :).

      Eliminar
  18. Eu sei que nunca vou conseguir publicar todos os dias, por três motivos: 1, quando escrevo, ESCREVO, tipo muito, demais (tenho noção de que quando me dá para escrever sobre algo tendo a fazer posts demasiado longos, mas também são os que gostos mais de ler, so... xD ); 2, não tenho tempo para desenvolver todas as minhas ideias como quero quando escrevo à pressão nem colocar as minhas imagens como quero, já que faço questão de ter imagens minhas no meu blog; 3, não tenho criatividade para tanto xD

    Já tentei 3 vezes por semana e já era pressão a mais: às vezes dá, às vezes nem tanto. Por isso tento ficar pelos 2 posts por semana, mas confesso que ultimamente a inspiração não tem sido tanta e, por isso, se só houver ideias para 1 por semana, o mundo não cai. Mas esse é o meu mínimo, porque quero que quem se dá ao trabalho de passar pelo meu cantinho se sinta acolhido e não pense que me estou a borrifar, porque não estou!

    Jiji

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também escrevo demais, por isso compreendo-te xD. Eu também adoro ler posts longos, não me assusto quando os vejo noutros blogs, leio sempre até ao fim. O ponto 2 é uma das razões pelas quais decidi abrandar nesta fase, para ter tempo para desenvolver as minhas ideias.
      Acho que quem visita o teu cantinho se sente acolhido e te agradece por isso :).

      Eliminar
  19. No início publicava diariamente, depois foi rareando. Consegui reativar o blog após um ano sem escrever nada. Não foi uma razão, mas uma soma de fatores que culminaram no meu afastamento e só agora por motivos que nem sei ao certo estou voltando.
    Primeira vez aqui.
    Bjs doces.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem sempre podemos estar na blogosfera, temos que dar sempre prioridade à vida real.
      Beijinhos

      Eliminar
  20. Eu costumo publicar dia sim dia não. Apesar de adorar escrever o tempo nem sempre dá para tudo, sobretudo em fases mais agitadas e com prazos a cumprir muito sobrepostos. Mas o que na minha opinião mais importá é dedicar-nos à escrita quando o fazemos e escrever sobre algo que nos cative :)
    Mas concordo com o ponto em que dizes que parece existir uma maior pressão para que o conteúdo seja de maior qualidade.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, escrever algo que nos cative é sem dúvida o mais importante :).
      Beijinhos

      Eliminar
  21. Olá! No inicio o Bluestrass tinha publicações sempre certas, temas certos em determinados dias da semana. Com as alterações que foram acontecendo ao longo dos dias, tudo mudou, passei algum tempo em que postava quando achava que tinha mesmo algo para dizer e neste momento tenho publicado ás quartas, eventualmente ás sextas e ao sábado ou domingo!
    Não me obrigo a escrever! A vida fora do blog precisa de mim!

    Bom fim-de-semana!
    Sandra C.

    ResponderEliminar
  22. Eu também já tive uma fase em que publicava diariamente mas agora tem sido praticamente impossível. Ao início sentimos um peso mas depois é memo como tu dizes, procuramos sobretudo qualidade acima da quantidade!
    beijinhos
    https://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  23. A mim sempre me impressionaste pela forma como conseguias ter ótimos textos, todos os dias! O conteúdo agora continua igualmente bom, e fico muito contente por, ao abrandares, conseguires aproveitar melhor a vida offline e dedicar-te a ela, o que também é muito importante!

    Beijinhos e tudo de bom!
    MESSY GAZING

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada <3. É, sem dúvida, muito importante, sinto que precisava disto neste momento.
      Beijinhos

      Eliminar
  24. Às vezes torna-se necessário abrandarmos em algumas partes da nossa vida, de forma a fazermos melhor. E não tem mal nenhum :)
    Eu depende das semanas, por exemplo, esta que passou foi mais complicada, mas tento publicar sempre pelo menos 3 posts por semana :)

    ResponderEliminar
  25. Eu acompanho bastantes blogues e confesso que posts novos todos os dias acaba por cansar. Não consigo acompanhar e depois tenho textos enormes para ler :P
    No(s) meu(s) blog(s) pessoalmente prefiro ficar-me pelos 2, máximo 3 posts por semana. Posts de qualidade, pensados, agendados, e não "overdo it". E, claro, enquanto bloggers, podemos ter esta paixão, mas temos mais vida! eheheh
    E quanto aos seguidores... Os que gostam mesmo, os que acompanham mesmo, vão continuar! E quando ficas algum tempo (mais q o normal) sem publicar, são eles que vão ter contigo e te perguntam quando voltas. :)

    Claudia - Mulher XL - www.mulherxl.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim não me cansa, por acaso eu muitos dos meus blogs favoritos publicam diariamente, e eu leio sempre tudo, mesmo que com dias de atraso :).
      Aconteceu-me isso há uns tempos atrás, ter que me ausentar sem avisar, e passado 4 dias ter gente a perguntar por mim. Foi mesmo <3, porque é sinal que há pessoas que realmente gostam de me ler.

      Eliminar
  26. Eu ainda me estou a habituar a este ritmo dos blogs, confesso que adoro ler os textos e fico horas na leitura de vários blogs ( o teu inclusive) mas por vezes sinto uma pressão extenuante no que diz respeito aos comentários. Preciso de comentar de volta se alguém comentou os meus textos? Com o tempo fui percebendo que o melhor mesmo era eu comentar quando achasse necessário. Estas a fazer um ótimo trabalho! Parabéns.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu antes também sentia essa pressão de responder aos comentários, mas agora só respondo quando é necessário. Ainda assim, tento sempre responder à maior parte.
      Obrigada <3.

      Eliminar