"". Life of Cherry: O maior benefício que ganhei desde que tornei o meu blog público !-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

6.2.18

O maior benefício que ganhei desde que tornei o meu blog público

 O maior benefício que ganhei desde que tornei o meu blog público

Possuir um blog anónimo faz com que, muitas vezes, não reflitamos sobre aquilo que escrevemos. É muito fácil cair na tentação de publicar por publicar quando somos anónimos. Apesar de, obviamente, termos consciência que estamos a publicar algo na Internet, que pode ser visto sobre qualquer pessoa, temos tendência a ponderar menos aquilo que partilhamos ou não no nosso blog. Isto acaba por originar, muitas vezes, publicações com conteúdo fraco, arrependimentos, mal entendidos e detalhes íntimos que deviam ser mantidos na esfera privada.

Apesar de, inicialmente, não tencionar "dar a cara" pelo meu blog, sempre tive consciência da fragilidade do meu anonimato. Tive sempre em mente que, mesmo que não revelasse nada sobre mim (como a cidade onde vivo), corria o risco de uma pessoa conhecida me poder identificar. Porque nenhum anónimo consegue sê-lo a 100%. Existe sempre uma ponta ou outra da nossa personalidade, dos nossos sonhos, dos nossos gostos ou das nossas preocupações que acaba por ficar solta e que pode ser reveladora para os olhos mais perspicazes. Assim, resguardei-me sempre e evitei abordar assuntos demasiado pessoais. Isto permitiu que a minha transição de anónima para não-anónima fosse mais pacífica e menos stressante. 

Contudo, já caí na armadilha de escrever com a atitude "ninguém me vai ler", o que deu origem a posts dos quais não me orgulho tanto. Não quer dizer que não goste deles nem que me sinta assim em relação a todos (existem muitos que, mesmo agora, escreveria exatamente da mesma forma) mas sinto que teria explorado alguns temas de forma diferente se tivesse um blog público desde o início. Teria explicado melhor o meu ponto de vista, teria sido um pouco mais cuidadosa para não ofender pessoas (particularmente as que me conhecem), teria sobretudo dado mais de mim, da minha identidade, sem receio que me descobrissem.

Ser mais eu está a ser um dos melhores benefícios que estou a sentir desde que tornei o meu blog público. Estar exposta desta forma está a obrigar-me a olhar de forma mais crítica para o conteúdo que partilho e acredito que isso, a longo prazo, irá permitir um crescimento muito maior do "Life of Cherry". Não quero com isto dizer que existirão mais filtros agora que tenho muita gente que me conhece a ler-me. Muito pelo contrário, sinto que irão existir menos filtros, porque já não tenho necessidade de esconder detalhes e evitar abordar temas que antes poderiam " denunciar-me". Ter um blog público está a obrigar-me a amadurecer, em todos os sentidos, e eu não podia estar mais grata por isso.

35 comentários:

  1. So nice and interesting post. Thanks for sharing dear.

    Visit my blog

    ResponderEliminar
  2. E aqui espero eu para ver a evolução e continuar a ler os teus fantásticos posts! :)
    Por onde anda a Sofia?-Instagram

    ResponderEliminar
  3. Entendo perfeitamente o que dizes relativamente ao certo "cuidado" que temos de ter quando escrevemos, porque o anonimato pode levar a uma tendência para algumas pessoas escreverem sem filtros e com a ideia de que nunca ninguém conhecido poderá identificar.
    Eu para já mantenho-me no anonimato, mas tenho presente a ideia de que alguém que me conheça pode sempre descobrir o meu blog
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O anonimato cria, frequentemente, essa falsa segurança.
      Há sempre alguma probabilidade de nos descobrirem, mas tendo isso em mente não há problema :).
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Que bom que saiu do anonimato, cada vez vai gostar mais disso, já que vamos interagindo com outras pessoas e criando amizades.

    Beijos/Kisses.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fanpage
    Instagram

    ResponderEliminar
  5. Pois, quando és anónima só te apercebes do quanto estás condicionada quando queres escrever alguma coisa e percebes que não podes porque alguém pode entender que és tu. Acaba por ser mais stressante e limitador.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi a principal razão que me levou a sair do anonimato.

      Eliminar
  6. Interessa é que tudo se desenvolva a seu tempo! Foi o teu caso e a evolução é feita de aprendizagens :) E sim, espero que com poucos filtros, porque é tudo muito mais interessante :)
    Beijinhooos

    Automatic Destiny

    ResponderEliminar
  7. Eu acho que ter um blog público apenas nos leva a ponderar um pouco mais aquilo que partilhamos pessoal. Quando escrevo algo mais sobre mim tenho sempre que refletir como isso poderá afectar as pessoas que me rodeiam.
    Acho que fizeste bem em te assumires e tornares público o teu cantinho porque assim nós podemos associar as tuas palavras a alguém e isso é das coisas mais bonitas!

    My Own Anatomy ✨

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, eu agora sinto essa preocupação, de salvaguardar a privacidade dos que me rodeiam, porque o blog é meu, não deles, não têm de ser arrastados para isto.
      Também gosto mais de blogs públicos por isso mesmo :).

      Eliminar
  8. Concordo totalmente com o que dizes, quando assumimos o blog com uma cara por trás temos uma responsabilidade muito maior quanto ao que dizemos!!

    Novo post: http://abpmartinsdreamwithme.blogspot.pt/2018/02/dream-trip-precos-restaurantes_6.html

    Beijinhos ♥

    ResponderEliminar
  9. Eu não sei bem como é pois comecei logo dando a cara, mas uma coisa que sei é que não podemos contar tudo. Há muita coisa que não posso contar, e outras que prefiro mantê-las para mim e depois de estarem feitas e de terem acontecido, dizer. Beijinhos <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não temos que contar tudo no nosso blog, é assim que tem que ser :).
      Beijinhos

      Eliminar
  10. Há prós e contras em ambos os formatos (como em tudo na vida), mas também acho que manter um blogue público acaba por nos fazer pensar mais a fundo nas coisas, porque temos outro cuidado na nossa exposição. Quem opta pelo anonimato, não significa que não tenha essa atenção, mas como o risco de associar determinada opinião/determinado pensamento a uma pessoa específica é muito menor, se calhar não há uma necessidade tão grande de se questionar se aquele texto pode suscitar interpretações opostas. Quando se sabe perfeitamente quem é a pessoa por trás de determinado espaço, aí há uma reflexão maior

    r: Queremos sempre regressar a sítios que nos fazem bem :)
    Sim, quando são cidades maiores, por mais vezes que se vá até lá, fica sempre algo por explorar

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo isso que me tenho apercebido agora. Agora que dou a cara pelo blog, cada vez mais me apercebo que certos posts ou escolhas de palavras podem originar interpretações que não tencionava por parte de quem me é próximo. Mas são coisas que se contornam facilmente a partir do momento que temos consciência disso :).
      Verdade, e que nos fazem felizes :). Londres então, é uma cidade onde estive e deixei tanto por explorar.
      Beijinhos

      Eliminar
  11. Eu escrevo para mim, para um dia reler. Se tivesse um blog público não o poderia fazer. Mas confesso, penso que as pessoas que me rodeiam não são pessoas de ler blogs, por isso não escondo assim tanto a minha identidade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As minhas pessoas também não são muito, mas quando descobriram foi logo xD. Eu se tivesse na posição deles faria o mesmo, curiosa como sou xD.

      Eliminar
  12. Eu criei o meu blog de forma anónima, mas sempre pensando que um dia iria "dar a cara" só não me sentia ainda preparada. E a verdade é que ainda não me sinto 100% preparada... hahaha
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem pressão, quando te sentires preparada sais do anonimato :).

      Eliminar
  13. Ainda bem que te estás a sentir melhor, sendo tu e sendo-o publicamente! É muito bom para o teu cantinho (embora eu o tenha conhecido muito pouco tempo antes de saíres do anonimato). Beijinho grande, Cherry :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida que me sinto melhor assim :).
      Beijinhos

      Eliminar
  14. Eu gosto de manter o blogue anónimo, até porque, com o trabalho que tenho não quero que nenhum cliente me identifique.

    Um beijinho grande*
    Vinte e Muitos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, há certos trabalhos que não convém, e depende também do conteúdo que abordas :).

      Eliminar
  15. Que este amadurecimento só traga mais e melhores posts ao teu cantinho. Nunca achei que abordasses por abordar e acho mesmo que tens potencial para fazer reflexões e posts que saem muito da onda normal, por isso, you go girl. 💛

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada Ju por estares sempre a apoiar-me e a acompanhar-me <3.

      Eliminar
  16. Concordo plenamente contigo logo na primeira frase. O meu blog é anónimo, pelo menos eu nunca o partilhei com ninguém, mas mostro quem eu sou, mesmo com esse propósito, apesar de ser anónimo, tenho alguma da minha identificação para ao escrever os posts refletir antes de os publicar, pois a qualquer momento eu sei que pessoas conhecidas podem encontrá-lo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que fazes muito bem salvaguardares-te dessa forma :).

      Eliminar
  17. Confesso que eu ainda receio tornar o meu blog público... Beijinhos*

    ResponderEliminar
  18. O meu blog é actualmente semi-anónimo. xD A maior parte das bloggers que sigo tem o meu instagram e já publiquei várias fotos minhas sem qualquer problema. Eu acho que o anonimato é algo que não existe. Tu deixas sempre uma marca de ti e quem te conhece vai identificar isso. Eu escolho estar mais protegida mais por uma questão de resguardo de futuros empregadores e colegas ou conhecidos. Eu escrevo em blogs desde os 11 anos (12 anos disto xD) quando uma professora de ingles blogger partilhou connosco este mundo e já fiz TODOS os erros possíveis. Desde usar o blog como diário até a falar de outras pessoas. Já deu toda a merda possível e imaginaria. Hoje já com muita experiência no lombo acho que encontrei o equilíbrio. Tudo o que escrevo é algo que não teria problemas em assinar por baixo e em dizer sim, fui eu que escrevi! Mas nunca opino sobre outras pessoas porque sei que 100% das vezes vai dar merda, vai sempre acabar por se descobrir.
    Dar a cara e usar o anonimato são sempre espadas de dois gumes. Há que encontrar o nosso equilíbrio. Se tu estás feliz com a tua escolha isso é o mais importante. Eu como seguidora assídua gosto de puder associar uma cara à escrita e gosto de te ver crescer como pessoa ^^
    Continua com o bom trabalho ^^ Beijinho :*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tive nessa fase xD. Eu também acho isso, nunca somos completamemte anónimos, deixámos sempre algo de nós.
      Meus Deus, escreves há tanto tempo xD. Uma professora também referiu os blogs numa aula, mas eu na altura não liguei muito, talvez por nessa altura os blogs terem um aspero pouco apelativo, só há 4 anos é que encontrei uns melhores e que me inspiraram a criar o meu.tens muita experiência nisto xD. Olha, como se costuma dizer, é com os erros que se aprende. Esses erros, por muito dolorosos que tenham sido na altura, contribuíram para o blog maravilhoso que tens atualmente. Sim, eu isso também não faço, é uma regra fundamental. Falar sobre os outros, mesmo que srjam elogios, pode dar merda. Tenho sempre o cuidado de salvaguardar as minhas pessoas.
      É, ambos os casos têm vantagens e desvantagens. Muito obrigada por me acompanhares:).
      Beijinhos

      Eliminar
  19. Ainda bem que está a ser uma experiência positiva.

    ResponderEliminar