"". Life of Cherry: Querida sociedade, as roupas das mulheres não provocam assédio/violação !-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

28.11.17

Querida sociedade, as roupas das mulheres não provocam assédio/violação

Querida sociedade, as roupas das mulheres não provocam assédio/violação

Há uns tempos atrás, eu fiz um post sobre as desculpas que as pessoas usavam para justificar assédio sexual nas mulheres, e recebi um comentário que me perturbou um bocado ( um bocado é favor, na verdade):

"(...)Ridiculo é quem se faz de coitadinho! Do gênero, uma mulher leva alto decote e depois diz "isso é assédio!" mas ela, sabe perfeitamente que ao andar daquela maneira muita gente vai olhar para ela, seja com olhares, indiretas entre outras.

Vai fazer o quê? Proibir de olhar? Como acabar com o assédio? Simples, vistam-se normalmente sem grandes decotes, se querem ter decotes que tenham mas que levem em consideração a consequência, qual é? Bem é aquela que todas se fazem de coitadinhas o assédio!(...)"


Infelizmente, comentários como estes são muito frequentes na Internet e na vida real. E são estes tipo de comentários que fazem com que o assédio e/ou violação das mulheres se perpetue. Acho algo bastante curioso: só em casos de assédio e violação é que culpam a vítima. Seria impensável culpar a vítima por ter sido assaltada ou esfaqueada, mas se foi assediada ou violada aí a culpa já é dela. Ninguém tem a lata de dizer a uma pessoa que foi assaltada " estavas a pedi-las" ou " devias ter-te prevenido", por isso por que raio vão dizer isso a uma pessoa que foi violada?

É completamente inaceitável que, em pleno século XXI, a mulher ainda seja tratada desta forma. A mulher ainda é vista de forma objetificada, como um objeto de desejo, como se o seu corpo fosse propriedade de toda a gente. A sociedade não se importa de explorar a nudez das mulheres no cinema, mas quando as mulheres assumem o controlo dos seus próprios corpos já são julgadas por isso. Reduzir a complexidade e personalidade de uma mulher ao seu corpo e à forma como se veste é é negar ver as mulheres como seres humanos e é negar o direito das vítimas de assédio e de violação de se defenderem.

O que uma mulher está a vestir não é o reflexo do seu consentimento. Estar a vestir um vestido ou uma saia mais reveladora não é pedir para ser violada, é apenas o seu exercício de livre-arbítrio e o seu direito de se vestir de acordo com a moda e/ou o seu estilo. Apesar disso, muitas vítimas de violação ainda são interrogadas acerca da roupa que estavam a usar no momento em que foram violadas, o que é simplesmente ridículo! O assédio e a violação podem acontecer a todas as pessoas, em qualquer lado, em qualquer circunstância, independentemente do facto de estarem a usar um biquíni ou uma burca. Existem mulheres que se queixam de terem sido assediadas/ violadas quando estavam apenas a usar fato de treino ou calças de ganga, digam-me onde é que elas falharam na "prevenção"? A sociedade tem que perceber que estes crimes são motivados pelo poder e não pela paixão ou desejo sexual.

Culpar as mulheres pela forma como se vestem está a  criar uma ilusão de segurança em que os violadores raramente são considerados culpados e as vítimas têm medo de falar e fazer queixa. A verdade é mesmo esta, isto não passa de uma ilusão, e sermos uma " mulher de respeito" não nos protege contra este tipo de atos cruéis. 

Vestirmo-nos de forma modesta não deve ser um pré-requisito para obter respeito por parte das outras pessoas. Temos o direito de nos vestir da maneira que quisermos,  quer seja de forma reveladora quer seja de forma mais discreta. Parem de culpar a vítima pela ação e pelos comportamentos animais do seu predador.

Os corpos das mulheres não existem apenas para agradar aos outros. As mulheres não existem para se vestirem de acordo com o que a sociedade quer que elas sejam. Independentemente dos nossos gostos de moda e da nossa escolha em vestirmo-nos ou não de forma discreta, temos que concordar numa coisa: as mulheres têm o direito de escolher a forma como se querem exprimir através do seu estilo pessoal, que não deve ser decidido por mais ninguém. E, acima de tudo, uma mulher vestida de forma sexy não é um convite para assédio e/ou violação. Os homens que acham isso que aprendam a comportar-se como seres humanos racionais e não de forma animalesca. 

35 comentários:

  1. Não são apenas os homens que pensam isso, muitas mulheres pensam exactamente da mesma forma.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente sim, e isso piora ainda mais as coisas.

      Eliminar
  2. Eu acho que muitos homens e mulheres deviam ler este post.
    Eu não gosto de usar calças. Uso calças com frequência porque são práticas mas sempre que posso escolho uma saia ou um vestido. Simplesmente sinto-me mais confortável assim. No entanto já levei com comentários, inclusive de familiares, que não devia sair assim ou que "me punha a jeito". É uma saia, são pernas (normalmente tapadas com collants).
    Ironicamente, no dia em que um homem decidiu perseguir-me e bater uma punheta à minha frente e pregar-me um susto tal que eu fugi a chorar para o café mais próximo eu estava sem maquilhagem, com uma camisola larga de malha, calças de ganga e sapatos rasos e com o cabelo apanhado numa trança. O look mais banal, desinteressante e menos revelador possível.
    Gostava muito que os famosos defensores de que as mulheres que "se põe a jeito" explicassem porque é que eu fui assediada naquele dia. Gostava que eles percebessem que eu não me pus a jeito, eu estava a caminhar sozinha em plena luz do dia e houve algo na minha aparência que deu a um tarado a ideia de que aquilo era apropriado. Eu estava numa zona residencial, perto de uma escola primária e de alguns cafés, supostamente num sítio seguro.
    Gostava que percebessem de uma vez que assédio existe, o assédio acontece e que o que as mulheres vestem não tem mesmo nada a ver com isso. É o comportamento de gente que não se sabe comportar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se te sentes mais confortável assim, continua a andar assim. É o teu estilo pessoal e ninguém te deve julgar por isso. Afinal, como tu dizes e muito bem, são apenas pernas, e se ainda por cima usas collants, qual é o mal? Esses comentários do " pões-te a jeito" irrotam-me profundamente. É como disse no post, estão a culpabilizar as vítimas em vez dos verdadeiros culpados.
      Estou mesmo chocada e revoltada com a tua história. Lamento imenso que tenhas passado por isso. Há pessoas que realmente não se sabem comportar. Somos seres humanos, não animais, há que saber controlar os impulsos.O que esse homem te fez foi nojento e cruel.
      Gostava muito que as pessoas lessem a tua história para perceberem de uma vez por todas que o assédio pode acontecer em qualquer lugar, a qualquer pessoa, independentemente da roupa que esteja a usar.
      Espero, do fundo do coração, que nunca te volte a acontecer nada semelhante.

      Eliminar
    2. Obrigada, já foi há alguns anos e felizmente nunca mais aconteceu. Mas demorei um tempo até voltar a passar sozinha naquela rua. Só partilhei mesmo para ilustrar o que estavas a dizer no post. :)

      Eliminar
    3. Imagino, depois disso qualquer uma hesitaria. Obrigada por partilhares, acho que foi mesmo importante para as pessoas perceberem que a roupa, de facto, não despoleta este tipo de actos crueis e nojentos.

      Eliminar
  3. Boa noite, Existe gente para tudo e gostos para tudo. Existe também muita falta de respeito. Cada qual é livre de andar como quer e vestir como quer. Assédio é quem olha com olhos de maldade. É triste mas ainda temos gente assim. Enfim, não ligue.



    Hoje: {Natureza Instigante, enamorada...}
    Bjos
    Boa terça-feira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, existe muita falta de respeito. Dizem que vivemos num país livre, mas depois julgam as escolhas de moda das mulheres.

      Eliminar
  4. Parabéns pelo post. É isto mesmo, sem tirar nem pôr. Eu por acaso não sou de usar coisas curtas e decotes mas, no verão, gosto de andar de calções. E não tenciono abdicar do meu direito de usá-los. Por muito provocante que seja a roupa não é desculpa para nada. Cada pessoa tem o direito de vestir aquilo que mais lhe agrada, sem sentir que será abordada na rua. Ninguém deve passar por isso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :). Se gostas de andar de calções fazes muito bem usufruir desse direito. Exato, pode até olhar e apreciar uma mulher, mas não precisam de agir como palermas.

      Eliminar
  5. Só tenho a dizer muito bem. É exatamente isto, não podia ter dito melhor. É lamentável que vivamos no século 21 e ainda tenhamos de dizer coisas destas como se não fosse algo que toda a gente soubesse..

    themerrymarie.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Tão verdade! Mas infelizmente, nós mulheres ainda sofremos muito, e temos de ter sempre cuidado na forma como nos vestimos. É tão estúpido!
    Beijinho, Ana Rita*
    BLOG: https://hannamargherita.blogspot.com/ || INSTAGRAM: @rititipi || FACEBOOK: https://www.facebook.com/margheritablog/ - VÊ COMO GANHAR 50€ EM CARTÃO NA ZARA PORTUGAL!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu cá não vou andar aí com preocupações com a forma como me visto. Temos o direito de nos vestirmos da forma que queremos, é pena que haja quem não reconheça isso, mas paciência.

      Eliminar
  7. Bom dia. O Assédio Sexual sempre existia, existe e, infelizmente vai continuar a existir. Compreendo o teor e a revolta colocada nas palavras do texto. Mas, também eu vou dar uma achega: Em Agosto numa Rua de Lisboa, iam duas garotas a conversar, uma vestindo umas calças opacas e a outra um vestido completamente transparente a ver-se a calcinha de fio dental. Ora, os homens e muitas mulheres não tiravam os olhos delas e muitos, inclusive, mandavam aquelas bocas que dizem as mulheres não gostar.
    Não seria uma provocação para o homem aquela forma de vestir da rapariga/mulher?
    .
    .
    Tema: { Incêndios:- famílias desfeitas, num sentimento de eterna saudade }
    .
    Deixo cumplicidade poética.
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sugeria que lesses um comentário que foi deixado acima. O assédio, maior parte das vezes, não tem a ver com a roupa que a muher está a usar. E se têm, é culpa é da falta de bom senso de alguns homens e não das mulheres. Ninguém vos impede de olhar para uma mulher vestida dessa forma, mas uma coisa é olhar outra coisa é deixa-la desconfortável e invadir o seu espaço pessoal.

      Eliminar
    2. Não estava escrito no fio dental da rapariga Olha, manda-me bocas, assedia-me, eu quero é disso, ou estava? "Não seria uma provocação para o homem aquela forma de vestir?" Os machos são assim tão básicos (para não chamá-los de idiotas) que não conseguem raciocinar? É que aparenta ser isso o que estás a transmitir com essa questão.

      Eliminar
  8. Fico estupefacto como, em pleno século XXI ainda existem pessoas com esse tipo de mentalidade...

    ResponderEliminar
  9. Não tenho muito mais a acrescentar ao que tu disseste.
    "Temos o direito de nos vestir da maneira que quisermos, quer seja de forma reveladora quer seja de forma mais discreta. Parem de culpar a vítima pela ação e pelos comportamentos animais do seu predador."
    Parabéns pelo teu texto, acho que devia ser lido por muita gente.

    ResponderEliminar
  10. É de facto ridículo todo isso. Mas o fundo está no preconceito que em vez de estar a dissipar-se cresce a olhos vistos. A mulher, como é vista como elo mais fraco ainda é brutalmente ofendida por elogios de quem elas nem o nome sabem muitas vezes.
    Eles acham que é normal e ainda por cima que o fazemos por eles...há tanto que está humanidade tem que rever.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, em vez muitos aspetos parece que a sociedade em vez de evoluir está a regredir, é mesmo triste.

      Eliminar
  11. Assino por baixo. Sempre me senti no direito de me vestir e arranjar como eu quero, de forma a sentir-me bem comigo mesma. Confesso que por vezes sou um pouco mais controlada só para não ouvir coisas que não quero mas a nossa sociedade não deveria mesmo ser assim. Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E fazes muito bem, estás no teu direito e não tens culpa da falta de bom senso de algumas pessoas. Não somos nós que temos de mudar a nossa forma de vestir, as pessoas é que têm de mudar a sua atitude.

      Eliminar
  12. Um decote pode chamar à atenção, mas não é, de todo, um pedido de assédio. Fico chocada como em pleno século XXI ainda lemos comentários desse género, como se a roupa fosse um livre acesso ao corpo de alguém!
    Excelente publicação, minha querida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exato, as mulheres até podem querer estar a chamar a atenção, mas nenhuma, de certeza, quer ser assediada/violada.
      Obrigada :).

      Eliminar
  13. Como sempre adorámos o post, concordámos com tudo! Temos o direito de nos vestirmos como queremos. Não temos de mudar a nossa forma de vestir pelas outras pessoas, temos é de nos sentir bem connosco. Mas infelizmente enquanto as pessoas não mudarem a sua atitude isso vai ser dificil pois, apesar de nos sentirmos bem como estamos às vezes saímos à rua e mudamos logo de atitude assim que começámos a ouvir coisas. Sabemos que não devemos ligar a essas coisas e devemos ser superiores mas às vezes é dificil.

    Beijinhos,
    I. e A.

    https://nevertoolatetoturnback.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :). Infelizmente, vão existir sempre pessoas parvas a fazer este tipo de comentários, mas é como vcs dizem, temos que ser superiores a isto. Às vezes é difícil, mas temos que nos mentalizar que não somos nós que temos que mudar, são essas pessoas.

      Eliminar
  14. Não podia ter escrito melhor, e esse que veio fazer esse comentário infeliz, não há palavras.

    ResponderEliminar
  15. Realmente é incrível como isto tem tudo para continuar a ser assim. É por comentários e mentalidades como aquelas que o assédio e a violação vão continuar. É triste saber que até há mulheres que pensam que se a outra levou um decote mais acentuado é porque queria alguma coisa. OMG, se há pessoa que, principalmente no Verão, quando sai à noite usa roupa mais decotadas sou eu e não estou a pedi-las e a dizer "venham cá!". Cada pessoa veste-se da maneira como quer. Este assunto indigna-me bastante.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enquanto as pessoas não mudarem as suas mentalidades vai ser assim ( e, infelizmente, acho que vai ser assim sempre, porque há pessoas que se recusam a mudar a sua forma de pensar). O que é mais grave no meio disto tudo é mesmo isso, até as mulheres fazem este tipo de comentários. Exatamente, cada um veste-se como quer e cabe aos outros terem bom senso. Ninguém os impede de olhar, mas uma coisa é olhar outra coisa é ser parvo.

      Eliminar
  16. Posts destes nunca são demais. Comportam-se como animais, mas quê?... não se sabem controlar?? Nós sabemos que há mulheres provocadoras, sim, que há e que gostam de vestir certas coisas para serem olhadas e apreciadas... é a verdade. Mas com certeza nenhuma delas quer ser violada. Pá, há limites que não se ultrapassam. Se uma mulher quiser que lhe saltem para cima, ela vai dizer-vos que sim. Se ela disser que não, é simples, sigam para uma que esteja disposta a isso, é o que não falta aí! Essa pergunta espectacular às vítimas sobre a roupa então é um mimo... "Ah ia de mini-saia? Levava um decote até ao umbigo? Pois... então percebo o violador, o que esperava que acontecesse?" Tipo... wtf?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo! Dão sempre a desculpa que as mulheres se vestem de forma provocadora e apetece-me sempre dizer "mas vocês são animais, não se sabem controlar?" É verdade, há mulheres que se vestem de forma reveladora mesmo para provocar olhares e comentários, mas também duvido que elas queiram ser violadas. Exatamente, não há necessidade de andar atrás das que não querem quando existem montes que basta irem ter com elas para abrir logo as pernas... Enfim, a sociedade ainda tem que mudar em muitas coisas.

      Eliminar
  17. Tive uma "discussão" com um gajo há uns meses atrás justamente porque disse que uma mulher que tatua o peito é porque quer que os homens olhem para lá. E ontem à noite ouvi outra pérola gira: "Não discuto futebol com mulheres". Caramba, esse tipo de merdas tira-me do sério. E pior ainda, já o tenho ouvido dito por outras mulheres. Concordo com os teus pontos de vista e ainda temos quilómetros a percorrer nestes assuntos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso é tão estúpido! É mesmo ignorância dizerem isso. A mulher tatuou o peito porque quis. Eu nunca escolheria um sítio desses para uma tatuagem, mas ela escolheu e não tem mal nenhum. Essa também é muito boa. Há mulheres que percebem mais de futebol do que os homens. Não compreendo porque é que as pessoas são tão sexistas.

      Eliminar