"". Life of Cherry: Os 10 estados emocionais de pesquisar sintomas no Google !-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

9.11.17

Os 10 estados emocionais de pesquisar sintomas no Google

10 estados emocionais de pesquisares os teus sintomas no Google

Nós sabemos que pesquisar sintomas no Google não é correto, mas todos nós já o fizemos. Até eu, que sou estudante de Enfermagem e devia saber disto melhor do que ninguém, já o fiz. Começamos a sentir mais dores de cabeça que o normal, ou então mais cansaço do que é habitual, e não resistimos em dar uma olhadela rápida ao Google. Porém, aquilo que supostamente devia ser uma olhadela rápida transforma-se numa pesquisa de 3 horas e, quando damos conta, temos dois cancros, insuficiência cardíaca e duas semanas de vida.

Tentar fazer um diagnóstico a nós próprios pela Internet pode causar-nos ansiedade e stress, fazendo-nos passar por estas 10 coisas.


1. Pesquisar no Google ou não, eis a questão: Isto não vai acabar bem, mas eu não quero saber. Eu preciso de respostas.

2. Preparas-te para o pior: Se calhar devia começar a planear o meu funeral.

3. Ok, vamos a isto: Vou pesquisar x sintoma no google.

4. Entras em negação quando lês o primeiro sintoma: Lá por ter um não quer dizer que tenha a doença.

5. Começas a stressar quando lês o segundo e terceiro sintoma: Não acredito que isto me está a acontecer!

6.  Entras em pânico quando percebes que podes ter a doença descrita: Mas eu sou demasiado jovem para morrer!

7. Quando lês a frase " pode causar morte": Porquê eu? Porque não antes o estúpido do meu vizinho?

8. Tentas convencer-te que provavelmente não é nada: Mas ao mesmo tempo pensas que estás a morrer.

9. Não consegues adormecer de nessa noite: Nem queres, porque tens medo de adormecer e nunca mais acordar.

10. Quando tu finalmente visitas o médico e ele confirma que não se passa nada: Que alívio! Nunca mais vou pesquisar nada no Google ( * uma semana depois já estás outra vez no mesmo*). 


E vocês? Já pesquisaram os vossos sintomas no Google? Passaram por isto?

20 comentários:

  1. Ahahaha é mesmo assim, o google funciona como o nosso primeiro médico!

    Novo post: https://abpmartinsdreamwithme.blogspot.pt/2017/11/zaful-review-white-floral-blouse.html

    Beijinhos ♥

    ResponderEliminar
  2. Queremos tanto descobrir o problema (se é que há um problema) que acabamos por fazer pior. E o mais grave é que sabemos perfeitamente que não é benéfico pesquisar no Dr. Google, mas na hora da verdade lá caímos todos na tentação :o

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, mesmo sabendo que é prejudicial, todos nós caímos na tentação.

      Eliminar
  3. Olá!!! :)

    Se tens Facebook e queres dar a conhecer o teu blogue a mais pessoas, adere a este grupo:

    https://www.facebook.com/groups/126383254703861/

    Beijinhos,
    Diana F.

    ResponderEliminar
  4. Quem não? Ahaha Mas na verdade o meu maior motor de pesquisa para sintomas é uma amiga minha que é, lá está, enfermeira! Parece-me uma fonte bem mais fidedigna :P
    Obrigada pelo comentário :)
    Beijinho

    Automatic Destiny

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, a tua amiga sempre é uma fonte mais fidedigna :).

      Eliminar
  5. Acho que , como dizes, toda a gente já p fez, se é bom ou mau? não sei, sei que eu própria ainda hoje o fiz :)
    Beijinho
    Entre Os Meus Dias ∫ Facebook ∫ Instagram

    ResponderEliminar
  6. Ahahah eu nuuuuunca faço isso - prefiro ir directa ao médico. Demasiadas ameaças :p

    Jiji

    ResponderEliminar
  7. Isto é tão verdade! Confesso que já me aconteceu ahahah

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  8. Tal como tu, embora saiba que não o deva fazer, já o fiz 2/3x x) De todas as vezes deu asneira, como é óbvio, e eu tinha problemas gravíssimos! Felizmente não era nada em nenhuma delas, mas serviu de lição: ir sempre ao médico e nunca procurar nada no Google.
    Mas houve uma altura em que deu jeito, mas não foi uma situação de auto-diagnóstico. Simplesmente precisava de saber mais sobre uma determinada doença e ajudou-me a compreender a situação de um parente :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É assim, uma pessoa às vezes só aprende com os erros.
      Nesse caso é diferente, até pode ser benéfico na verdade, assim pudeste compreender melhor o teu parente :).

      Eliminar
  9. Eu sou tão essa pessoa que passa a vida a ir ao Google pesquisar sintomas (e não me orgulho disso).
    Beijinhos!

    MARY WITH LOVE

    ResponderEliminar
  10. Acontece por aqui, sim... Mas não entro em dramas pois todos sabemos que na net abunda info necessária e desnecessária.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu entro sempre, por isso é que já nem vejo.

      Eliminar
  11. Já me aconteceu, uma pessoa sente-se diferente e vai logo ver o que se passa ao google. Um erro, mas pronto :p

    ResponderEliminar
  12. Sem dúvida que sim, é como dizes, todos já o fizemos. E dá sempre asneira claro, mas antes assim e não ser nada mesmo :)

    ResponderEliminar