"". Life of Cherry: O que eu que aprendi ao publicar no blog todos os dias !-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

21.10.17

O que eu que aprendi ao publicar no blog todos os dias

O que eu que aprendi ao publicar no blog todos os dias

A pergunta que mais me fazem é " Como é que consegues publicar todos os dias?". Até as pessoas que estão fora deste universo blogosférico me perguntam isso. Tanto que eu já fiz dois posts acerca do tema, aqui e aqui. As pessoas acham que é muito difícil publicar todos os dias mas, na verdade, não é assim tão difícil.

Eu não estou para aqui a gabar-me por escrever todos os dias , nem vou incentivar ninguém a fazê-lo. Até porque eu comecei a publicar diariamente de uma forma acidental. Ter um blog, para mim, é viciante. Quanto mais escrevo, mais ideias tenho. E ao escrever tantos posts( às vezes num mesmo dia) acabei por tomar a decisão de distribuí-los pelos dias em vez de estar a publicá-los todos no mesmo dia. Desta forma, tenho o blog sempre ativo, mesmo nos dias em que não tenho inspiração.

Já ando neste ritmo de publicações há quase três anos ( isto porque, nos primeiros meses do "Life of Cherry", eu não escrevia tão regularmente como agora), e durante este tempo aprendi coisas interessantes não só sobre a blogosfera, como sobre mim. E, já que vocês parecem sempre tão interessados neste tema, pensei em partilhar algumas coisas que aprendi com vocês. 


1. Quanto mais escreves, mais ideias tens: Tal como já disse acima, quanto mais posts escreves, mais ideias para posts tens. Muitas pessoas questionam-me, frequentemente, "não tens medo que chegues a um certo ponto e que já não tenhas mais nada para falar?". Quando comecei a publicar com esta frequência, sim, tinha medo. Pensava sempre que iria chegar a uma altura em que as minhas ideias se esgotariam, e que eu começaria a falhar dias. No entanto, aqui estou eu, a publicar todos os dias, sem falhar nenhum dia ( muito excecionalmente, não publico num dia ou outro, mas isso é mais por imposições da vida do que falta de ideias). A verdade é que, quanto mais escrevemos, mais ideias temos. Muitas vezes, estou a escrever uma publicação e dou por mim a ter ideias para mais duas ou três. Isto pode soar a mentira, mas acontece mesmo. É uma questão de prática. O nosso cérebro habitua-se a gerar ideias que, a certa altura, é quase intuitivo. 

2. Requer muito planeamento e organização: Publicar todos os dias não é tão difícil como parece mas, obviamente, que exige planeamento e organização. Ter criado um calendário editorial foi a melhor coisa que fiz pelo meu blog. É lá que distribuo os posts pelos dias, aponto os dias em que os posts de rubricas devem ser publicados, e ainda aponto lembretes para me lembrar de parcerias e colaborações. Ajuda-me a ter tudo organizado, e a decidir aquilo que quero publicar em cada dia.

3. Há sempre tempo para escrever: Por vezes, com a escola/faculdade/trabalho, a vida social, a família e toda a agitação do quotidiano, parece que não há tempo para escrever. Mas a verdade é que há sempre tempo para escrever, é uma questão de organização e de prioridades. Há sempre maneira de arranjar um "furinho" aqui e ali, seja de manhã, à hora do almoço, ao final da tarde ou antes de ir para a cama. Pessoalmente, eu aproveito sempre as manhãs dos meus fins de semana para escrever.

4. Aumenta (mesmo) muito as tuas visualizações:  Aquilo que eu tenho constatado é que quanto mais publicas mais visitas tens. Isto porque as pessoas adoram visitar blogs cujo conteúdo está continuamente atualizado. Uma vez, uma leitora minha disse-me que adorava visitar o meu blog porque publicava algo novo todos os dias e, todos os dias, ela podia ler "o post do dia". E, como leitora, é isso que eu adoro ver nos meus blogs favoritos, poder visitá-los sempre ao final do dia ( que é quando, normalmente, eu leio publicações), e ver sempre algo novo à espera de ser lido.

5. É viciante: A blogosfera consegue ser viciante. Quanto mais escreves, mais vontade tens de escrever e chegas a um certo ponto que até é difícil convenceres-te a ti próprio(a) a parar, nem que seja por um ou dois dias. Para mim, é mesmo viciante publicar todos os dias. Dá-me prazer e, ao mesmo tempo, um orgulho enorme, ver o meu blog com conteúdo novo continuamente, o que acaba por fazer com que este esteja continuamente a crescer e a evoluir. 

6. Os teus leitores não se importam se tu falhares um dia ou dois: Isto tem um pouco a ver com o ponto anterior. A certa altura, eu comecei a ficar tão habituada a escrever diariamente, que me sentia bastante culpada quando me tinha que ausentar por um ou por dois dias. No entanto, aquilo que eu aprendi a maior parte dos teus leitores não dão pela tua falta se te ausentares só por esse período de tempo( até porque , porque é muito curto, e muitas pessoas não lêem blogs diariamente, lêem quando calha). Só a partir de uma semana ou de duas é que começam a notar a tua ausência. Estas mini ausências podem fazer a diferença nas tuas estatísticas, e claro que ninguém gosta de ver as estatísticas a passarem de um número alto para um baixo ou quase nulo. Porém, a longo prazo, aquilo que importa são os seguidores fiéis que tens, porque as estatísticas acabas sempre por recuperá-las ao manter a consistência.

7. Por vezes, é um pouco alucinante: Embora eu esteja sempre a defender que não é tão difícil como as pessoas pensam, sim, admito que publicar todos dias, por vezes, é um ritmo um pouco alucinante. É um ritmo non-stop. Mal acabas de escrever um post, tens que começar logo a pensar em escrever outro, para conseguires manter o ritmo. Grande parte do teu tempo livre é dedicado à produção de conteúdo, o que deixa muito pouco espaço para outras tarefas que tens que fazer como blogger, e como ser humano. Mas esta pressão é algo que se consegue ultrapassar se formos organizados e planearmos bem as coisas. Neste momento, eu não sinto esta pressão, eu escrevo frequentemente, publico diariamente, e consigo arranjar na mesma tempo para fazer muitas outras coisas. 


Bloggers por aí? Também publicam diariamente? O que é que aprenderam com isso?

36 comentários:

  1. Ainda não publicamos regularmente, mas tencionamos escrever nos 5 dias úteis da semana e ainda publicar 2 vídeos no youtube. Esperamos conseguir cumprir com a meta :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece-me ser uma boa meta, e assim já publicam regularmente :). Vão conseguir, pensamento positivo :).

      Eliminar
  2. Eu vou preparando publicações (neste momento tenho 7 em rascunho), mas a maioria das minhas publicações são espontâneas. Tenho poucas porque ainda estou no início, mas já com os outros blogues era assim. Acho que não consigo escrever muito num dia x)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 7 em rascunho já é muito bom :). O máximo que já consegui escrever foi 6 posts num dia, mas há quem já tenha escrito 10, por isso não considero que seja muito.

      Eliminar
  3. Eu já tentei publicar todos os dias e comigo não resultou. Não deu os frutos que eu pretendia. Consigo atingir melhores metas publicando dia sim dia não mas ainda pretendo voltar a tentar. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cada um tem o seu método :). Publicar dia sim dia não também é bom, é publicar quase diariamente.

      Eliminar
  4. Apesar de não comentar muito o teu blog, não há um post teu que eu perca, e confesso que se houver um dia que não publiques torna-se "estranho", por aqui já estamos habituados a ver o teu blog sempre activo eheheh. É verdade que quanto mais escreve mais idéias se tem. Desde que eu estabeleci determinados dias para publicar no meu blog, ele tem tido mais efeito do que quando só me "apetecia", tenho tido mais idéias e já penso em posts para os dias que se seguem, e sim, há sempre tempo para escrever basta querermos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É o que eu tento fazer, gosto de ter o blog sempre ativo :). É como eu digo, acaba por tornar-se intuitivo :).

      Eliminar
  5. Escrever publicações diárias também foi algo que aconteceu por acaso, mas a verdade é que gosto muito mais deste ritmo. No meu primeiro blogue - Parte do que sou - não tinha propriamente uma agenda. Tentava publicar com regularidade, mas nunca diariamente. Da mesma maneira, também publicava à hora que calhasse. No entanto, quando me mudei definitivamente para As gavetas comecei a criar essa rotina e desde então que não quero outra coisa.
    Aprendi a escrever em avanço. E desde o início do ano que tenho um caderno específico para as publicações. Ter esta organização facilita bastante, porque conseguimos distribuir as ideias e estruturar o conteúdo de uma forma mais prática. Claro que nem sempre a nossa inspiração colabora, mas acho que o segredo é mesmo aproveitar quando o faz. Mas sem pressões.
    Inicialmente, também tinha esse receio de chegar a um ponto em que não saberia o que escrever, mas a verdade é que a motivação passa a ser outra e acabamos por estar sempre a pensar em ideias novas. O que não acontecia se a frequência de publicações fosse mais espaçada. Estes dias, por exemplo, dei por mim a pensar já numa ideia para a altura do meu aniversário, isto porque gosto sempre de ter uma publicação diferente, que é só em abril. Pode parecer «doentio», mas realmente a nossa imaginação/inspiração adapta-se, porque nos desafiamos.
    Concordo com todos os pontos, mas tenho que destacar o 3. Se quisermos mesmo, arranjamos sempre uma maneira de escrever. Escrevia muitas vezes no metro (tanto que a rubrica As minhas viagens de metro surgiu por isso), e a viagem nem é assim tão longa. Outras vezes, dava por mim a ter uma ideia à saída do metro e a ir até à faculdade a escrevê-la no telemóvel. É uma questão de rentabilizar tempo e não desperdiçar os nossos pensamentos

    r: Compreendo, porque também não troco o Porto por nada :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, uma pessoa a partir do momento em que se adapta à rotina de publicar todos os dias já não quer outra coisa :):
      Tu ainda és mais organizada do que eu :). Eu não tenho um caderno para publicações, vou escrevendo as ideias pelo tele e de vez em quando, quando estou afastada de um PC, escrevo em papel. Sim, quando temos inspiração, o melhor é mesmo aproveitar :). Se bem que eu agora tenho andado a treinar escrever sem inspiração, porque às vezes uma pessoa começa a escrever sem inspiração e depois até a ganha.
      Ahahah, isso é tão eu xD. Eu estou a pensar em ideias para o próximo aniversário do blog, que é só em setembro xD. É, escrevermos constantemente é desafiante, o que estimula a nossa mente a gerar mais ideias.
      Já escrevi em muitos sítios, mas não consigo escrever ( nem ler) em transportes públicos. Fico enjoada e com dores de cabeça. Mas isso é que é saber rentabilizar o tempo :).

      Eliminar
    2. Sempre adorei escrever à mão, por isso fez-me todo o sentido ter um caderno para preparar as publicações. Mas acabo por ter ideias espalhadas por vários sítios :p e depois, quando passo para o computador, acabo sempre por mudar e/ou acrescentar alguma coisa.
      Sim, também faço isso, principalmente com os textos mais ficcionais. Pego no caderno e tento escrever, mesmo que a inspiração pareça ausente. Acho que é um bom exercício. E até podemos não aproveitar o produto final, mas, pelo menos, estamos a estimular a nossa mente. E isso, na minha opinião, é fascinante!
      Juro que às vezes me sinto de outro planeta por já estar a pensar nas coisas com tanto tempo de antecedência, mas acaba por ser difícil de resistir :p ahahahah
      Compreendo! Agora é muito raro enjoar, mas em miúda era quase certo. Ainda assim, evito escrever/ler quando ando de carro ou em transportes públicos, mas há momentos em que o faço

      Eliminar
    3. Eu também adoro escrever à mão, mas não tenho um caderno específico ( escrevo no que calha, mas vou comprar um para isso, já tenho cadernos com tantas funções, é mais um para ser mais organizada). Eu também faço sempre uma alteração, nem que seja mudar as palavras por sinónimos.
      É mesmo um bom exercício. Estamos constantemente a desafiar-nos também e a praticar a nossa escrita.
      Isto é tanta criatividade que até já escrevemos para daqui a 10 anos daqui a nada ahahah xD.
      Quem me dera ser como tu. Os livros que eu já teria lido e os posts que eu já teria escrito em transportes públicos... O único transporte público em que consigo ler e escrever é no comboio, de resto não dá.

      Eliminar
  6. Não publico diariamente, então nos últimos tempos foi complicado porque ainda não tinha net na minha casa da cidade académica e tinha de esperar pelo fim de semana. Mas como a situação está resolvida vamos voltar com regularidade :)
    As tuas dicas são sempre fantásticas, obrigada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora com a net já volta tudo à normalidade :).
      Oh, obrigada eu :).

      Eliminar
  7. Eu não tenho muita orientação relativamente ao blog. Tenho rubricas, mas não sigo um calendário, nem nada do género, não tem dia da semana, nem do mês, para sair no blog. E também não tenho sempre ideias, pelo que não forço publicações, escrevo quando me sinto inspirada. E, se surgir uma ideia, escrevo logo, para não correr o risco de me esquecer, porque isso de "há sempre tempo para escrever" é muito relativo e a palavra-chave é, como tu mesma referes, "prioridades". Porque, sim, eu tenho tempo para escrever. Mas opto por colocar tudo o resto à frente e por tudo o resto refiro-me ao filho, ao marido, às tarefas domésticas... O meu blog, assumidamente, não é uma prioridade para mim, nunca foi :) não controlo os seguidores, nem as visitas. O blog é um hobbie para quando há oportunidade e não uma obrigação ou algo que ache tão importante que coloque à frente de outras coisas da "vida real" fora do computador com que me posso ocupar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu quando me surge uma ideia também aponto logo. Eu costumo dizer que há tempo para tudo, o que é preciso saber organizarmo-nos estabelecer prioridades. Exatamente, tens tempo para escrever mas preferes fazer outras coisas em vez disso. Ao menos admite que é por causa das prioridades que tens :), não é como muitos que dizem que não têm tempo... Eu não coloco o blog à frente de nada nem o encaro como uma obrigação, aliás, como já disse, isto para mim é algo viciante. Quando, por exemplo, tenho que escolher entre a faculdade ou o blog, escolho sempre a faculdade, por muito injusto que seja para este projeto que criei. Mas, na maior parte das vezes, com organização, consigo conciliar as coisas :).

      Eliminar
  8. Adoro o teu blog pois tem dicas excelentes. No meu caso, comecei há pouco tempo a blogar pelo WordPress.com, e só há dois dias em que não publico, que é ao fim-de-semana (excepto algumas vezes o Sábado, em que alguns casos faço um post por acaso) Tento ao máximo chegar mais perto dos meus leitores, publico regularmente e falo do que gosto. Tenho tido imenso apoio de amigos próximos que me ajudaram a "construir" um blog para conseguir alcançar os meus leitores e os meus objectivos de ser uma blogger feliz a fazer o que realmente gosto...escrever.

    Beijinhos!
    http://cronicasdeumunicorniomalhumorado.wordpress.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada :). Ainda começaste à pouco, mas parece-me que já estás no bom caminho. Tens todos os ingredientes para isso :). E esse é o melhor objetivo que podemos ter enquanto bloggers :).

      Eliminar
  9. Cherry, acredito que seja um verdadeiro desafio! Mas tu tens conseguido e irás continuar a conseguir superá-lo. :)
    Beijinho grande.

    http://nepheshing.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é tão difícil como parece mas sim, é um desafio :). Obrigada :).

      Eliminar
  10. É como tu dizes, escrever gera mais ideias. Eu não tenho tendência a publicar todos os dias mas quando estou a preparar publicações, acabo sempre porque me lembrar de mais quatro ou cinco possíveis publicações!

    ResponderEliminar
  11. É mesmo necessário ter muita organização e dispender bastante tempo, nem sempre consigo devido à faculdade!

    Novo post: http://abpmartinsdreamwithme.blogspot.pt/2017/10/sessao-fotografica-universidade.html

    Beijinhos ♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com a faculdade é complicado, ocupa-nos bastante tempo, mas com organização tudo se consegue :).

      Eliminar
  12. Sem dúvida que ter um blog e publicar todos os dias é um desafio, mas com o passar de tempo aprendemos a gerir o tempo e isso torna-se num ato de rotina!!!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  13. Não escrevo todos os dias, ainda que tente escrever mais e trabalhar para isso, mas não me obrigo a publicar quando não tenho inspiração, ou quando não gosto do que escrevi - lá está, trabalho para conseguir, como tu, ser mais regular e ter ideias constantemente, mas sem qualquer tipo de pressão.
    http://sunflowers-in-the-wind.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não escrevo todos os dias, eu publico todos os dias porque escrevo posts em avanço :).

      Eliminar
  14. Confesso que publico normalmente dia sim/dia não pois gosto mesmo de publicar regularmente! E concordo é viciante! :P

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dia sim/dia não também é uma boa maneira de manter o blog ativo :).

      Eliminar
  15. Ola.
    Eu não publico todos os dias,mas, admiro te como tu o fazes. Eu estou numa frase em públicar um post por semana, sempre ao mesmo dia da semana e a mesma hora... Assim, para não perder tão o meu publico(apesar de ainda ser mesmo pequenino) e assim, conseguir ganhar mais. Mas, quero mesmo em dezembro conseguir fazer tres posts por semana. Podem vistar o meu blog:
    anaavida.blogs.sapo.pt e segui me no instagram: @anaavidablog
    Beijinho e bom trabalho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, começa devagarinho, e quando te sentires mais à vontade publicas mais vezes :). É uma questão de ires praticando :).

      Eliminar
  16. Já ponderei várias vezes escrever diariamente, mas ainda não me consegui aventurar. Talvez um dia! Admito que sofro dessa ideia de que publicar todos os dias vai deixar-me com falta de conteúdo, mas espero que tenhas razão e que isso faça de nós seres cada vez mais criativos.
    Beijinhos,

    A Maiazita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Arrisca :). Acredita, quanto mais escreves mais ideias tens :). Tal como já disse, a tua mente acaba por habituar-se a esse ritmo e a gerar continuamente novas ideias :).

      Eliminar
  17. Eu costumo publicar diariamente mas também uso muito os posts agendados, dá sempre jeito e acho que faz todo o sentido. No entanto, tenho fases em que não apetece e deixo de escrever, como aconteceu em Fevereiro deste ano, acho que faz parte.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A desmotivação é algo que já nos aconteceu a todos, mas faz parte.

      Eliminar
  18. Gabo-te a capacidade de seres capaz de publicar num registo diário. Apesar de o meu objectivo não ser esse e porque vou publicando ao sabor da minha inspiração, reconheço que fazes um bom trabalho em manter o teu blogue activo e actualizado :)

    ResponderEliminar